Acompanhantes ou garotas de programa

Um novo olhar sobre a profissão de acompanhantes
Acompanhantes ou garotas de programa, ao contrário do que algumas pessoas pensam, são profissionais que fazem um trabalho digamos “social” digno e necessário como qualquer outro profissional.

Algumas pessoas usam outras palavras, como prostitutas, putas, safadas … com um tom pejorativo, e eles não pensam que essas acompanhantes profissionais são mulheres como todas as outras mulheres.

Elas podem ser garotas sexy, altas, baixas, loiras, morenas, de seios grandes, coroas, orientais e todas têm corpos incríveis, lindamente desenhados. Muitas delas tem família e filhos e até mesmo uma profissão paralela. A maioria faz pelo dinheiro e a minoria por fetiche ou mesmo por prazer de ser uma acompanhante.

Às vezes, as agências de acompanhantes também são criticadas pelas pessoas, que não sabem o verdadeiro trabalho de uma agência. Uma agência de acompanhantes não explora meninas menores de idade. Uma agência é uma empresa que anuncia garotas de programa em guias de acompanhantes disponibilizando uma forma de contato entre as pessoas interessadas e as acompanhantes.

Muitos homens contratam uma acompanhante como uma companheira, uma mulher com quem eles podem conversar ou para uma massagem de relaxamento, ao invés de para serviços de sexo.

Uma acompanhante não é um problema para a sociedade (mesmo que muitas pessoas usem as palavras prostituir ou prostituta como uma forma de ofensa).

O sexo não é o único serviço que uma garota de programa oferece. Elas oferecem serviços muito úteis e importantes que ninguém aprecia, por exemplo: há homens que contratam um acompanhante apenas pela companhia, porque sofrem de solidão, ou porque eles têm poucos amigos ou eles estão em uma cidade diferente e não conhecem ninguém, ou querem aproveitar para se divertir em uma festa.

Uma acompanhante pode ser um escape para homens que estão longe de casa, em uma viagem de negócios ou férias. E muitas vezes eles só querem relaxar e ter o prazer de uma boa conversa.

Por causa de tudo isso, pensamos que todas as acompanhantes, prostitutas ou garotas de programa são tão úteis e necessárias como qualquer outra profissional.

jj-200x300

acompanhantes RJ

Estamos no século XXI. É absurdo pensar que o sexo é ruim ou o sexo é um pecado. Sexo é bom, é saudável e melhora as relações sociais. Portanto, não é ruim comprar ou vender sexo se isso for feito com total liberdade entre as pessoas envolvidas. Países de Primeiro mundo, ate assinam a carteira delas.

Este post foi escrito por admin, publicado em 30 de março de 2015

Deixe uma resposta